voltar

Blog > Criando boas memórias para seu filho

Criando boas memórias para seu filho


Querendo ou não, muito do que vivemos durante nossa infância repercute na formação de nossa personalidade quando adultos. Infelizmente, o cérebro em desenvolvimento dos pequenos não consegue armazenar muito de suas memórias à longo prazo, especialmente aquelas relativas aos primeiros anos de vida.


Todavia, o cérebro guarda alguns acontecimentos importantes, desde os mais especiais aos mais traumáticos. Mas gostaríamos de dar ênfase à importância de recolher e guardar memórias felizes que possam acompanhar seu filho durante o resto da vida, fazendo com que elas permaneçam e sempre sejam um porto seguro para ele enquanto cresce, como uma forma de voltar àqueles bons tempos de proteção e brincadeiras, onde tudo não parecia tão complicado como quando se atinge a idade adulta.


As crianças normalmente vivem sua infância querendo crescer e adquirir direitos como os dos adultos, sem saber que as responsabilidades implicadas nisto são muitas e nem sempre fáceis. Uma infância que se caracterize pelas boas memórias fortalece o adolescente que se vê parte do mundo sem ainda entendê-lo completamente ou o adulto que passa por algum problema e também precisa encontrar forças dentro de si mesmo para enfrentá-lo.


Por isso, enquanto ainda são pequenos, é importante que os pais mantenham registrados em fotos e vídeos os bons momentos. Quanto aos momentos ruins, é preciso deixar registrado seu lado positivo, de como eles geraram força e determinação na criança quando os vivenciou. Mostrar como cada desafio da vida pode ser superado se acreditarmos em nós mesmos e criarmos forças internas para seguir adiante.


Nossa dica para os pais é que, desde seu nascimento, montem álbuns de fotos, registros, pequenas lembranças da infância de seu filho. Guardando todos esses objetos em uma caixa especial, com pequenas narrativas sobre a importância de cada momento, de cada item ali conservado. Quando as crianças atingem uma maior idade, elas mesmas podem colaborar na montagem dessas memórias, com seus desenhos e outras intervenções que queiram guardar. Isso sempre as deixará ligadas às suas raízes, ao seu começo, ao quanto o início de suas vidas foi cercado de amor e carinho.


A infância pode conter as respostas para aquilo que não entendemos sobre nós mesmos quando adultos. Então, montar uma caixa de memórias que façam com que seu filho recorde e se reconheça nelas mais tarde, certamente será algo extremamente positivo durante o resto de suas vidas, assim como também, durante o resto da vida de seus pais e familiares.