volver

Blog

Retomando a rotina de estudos

As férias da criançada estão acabando e é hora de retomar a rotina de estudos. Voltar às aulas pode ser algo pouco prazeroso para os pequenos, mas apenas no começo. Ao contrário, existem algumas crianças que adoram a volta às aulas com seus novos conteúdos e materiais necessários para o ano escolar, mas são a minoria.

Para aqueles pequenos que detestam o fim das férias, algumas dicas importantes para a retomada da rotina de estudos:

  1. Dê tempo à criança: ela pode reclamar um pouco no começo das aulas, mas, depois de no máximo duas semanas, já estará novamente habituada à rotina. Os pequenos são mais flexíveis do que os adultos.

  2. Converse sobre os pontos positivos de voltar às aulas: rever os amiguinhos, aprender coisas novas, o recreio, existem muitas coisas positivas em voltar para a escola que nem sempre são percebidas pelas crianças. Uma conversa animadora com os pais pode fazer com que seus filhos se empolguem também.

  3. Explore os novos materiais escolares junto com seu filho: dar uma olhada nos novos materiais escolares e nos conteúdos que o pequeno irá aprender durante o ano pode ajudá-lo a se empolgar mais com a volta às aulas.

  4. Tente retomar os horários antes das aulas começarem: pelo menos alguns dias antes das aulas voltarem, é importante que a criança já vá acordando e dormindo mais cedo, ou almoçando mais cedo e se acostume com a rotina de ir à escola.

  5. Esteja bastante presente nos primeiros dias de aula: pergunte ao seu filho como foram os primeiros dias de aula, quem são os novos colegas e professores, como foi rever os amigos e o que de novo ele aprendeu. Demonstrar interesse sobre o que seu filho vive na escola faz com que ele mesmo a valorize.

Respeitando o espaço do bebê

Quantas vezes vemos pessoas acharem que bebês são objetos fofos para serem abraçados e beijados como se eles não possuíssem sentimentos? Pois, pelo contrário, dependendo da personalidade do seu bebê, ele pode muitas vezes não querer ir no colo ou interagir com um desconhecido.

Por isso, os pais devem ter em mente que o bebê também tem seu tempo para acostumar-se e familiarizar-se com desconhecidos. Do mesmo modo, os desconhecidos devem não ser tão invasivos quando conhecem um novo pequeno. Não esqueçamos que bebês são também pessoas como nós.

Assim, é preciso respeitar o espaço do bebê, dar a ele seu tempo, não só para que se acostume com estranhos, mas com qualquer mudança maior em sua rotina. Mesmo sem ainda saber falar ou expressar propriamente seus sentimentos, os bebês e as crianças mais novas são muito sensíveis a quaisquer práticas invasivas por parte dos adultos.

E nós, adultos, precisamos ter ciência disto. Bebês são fofinhos, lindos e cheirosos, mas também possuem seu próprio tempo e sua individualidade. Nada de avançar o sinal com esses pequenos. É preciso respeitar o espaço deles, para que assim possamos realmente conquistá-los.

Receita de verão: bolo de limão

O verão já chegou e é tempo de nossas receitas especiais da estação. No post de hoje temos bolo de limão, fácil de preparar, leve e fofinho, ideal para o café da manhã ou lanche. Você pode fazer esta receita tanto com limões sicilianos quanto com limões Taiti que são mais comuns. A diferença é que com o siciliano o sabor fica mais docinho e com o Taiti mais azedinho.

Ingredientes:

— 3 Xícaras de farinha de trigo

— 2 Colheres de chá de fermento em pó

— ½ Colher de chá de sal

— 200 Gramas de manteiga em temperatura ambiente

— 1 ½ Xícara de açúcar

— 4 Ovos

— 1 xícara de chá de leite

— Raspas de 2 limões Taiti ou siciliano

— Papel manteiga

Modo de preparo:

Comece pré-aquecendo o forno a 180°C. Numa tigela, coloque o sal e o fermento, mais a farinha peneirada. Coloque a manteiga em temperatura ambiente para bater na batedeira até que atinja uma consistência fofa. Adicione o açúcar e incorpore-o à manteiga. Depois, adicione os ovos, batendo bem. Diminua a velocidade da batedeira e vá despejando o sal, fermento e farinha peneirada aos poucos. Depois, adicione o leite, também aos poucos. Quando a massa adquirir uma consistência lisa, desligue a batedeira. Incorpore as raspas de limão à massa sem bater na batedeira, apenas misturando com uma espátula.

Utilize uma forma retangular forrada com papel manteiga. Despeje a massa sobre o papel manteiga com delicadeza. Leve para assar por 45 minutos. Depois de assado, espere esfriar para desenformar. Se quiser deixar o bolo ainda mais molhadinho, despeje o suco dos dois limões raspados sobre ele.

Rendimento: 12 porções

DIY verão: chapéus divertidos

Como falamos no post anterior, proteção contra o sol é fundamental neste verão. Então, porque não deixar a criatividade fluir ao montar esses chapéus divertidos juntos com os pequenos? Utilizando pedaços de feltro e lã, você pode customizar aquele chapéu e deixar a ida à praia ainda mais divertida.

Materiais:

— Chapéu de palha

— Pedaços de feltro coloridos

— Lã para fazer pompons

— Tesoura

— Lápis

— Pistola de cola quente

Para fazer a customização, a regra é deixar a imaginação fluir. Você pode criar bichinhos e carinhas diversas, assim como as crianças mandarem. Utilize um lápis para desenhar as formas que serão recortadas no feltro para criar os olhinhos, nariz, boca, depende da criatividade do seu filho.

Basta recortar os pedaços e feltro e depois colá-los com a pistola no chapéu. Para fazer um acabamento diferente, use pompons feitos de lã. Já ensinamos como fazer pompons num post antigo que você confere aqui.

 

Proteção solar no verão e a vitamina D

A preocupação com a proteção solar deve ocorrer o ano todo, porém, intensificar-se no verão. O aumento da incidência de raios UVA e UVB desta estação, fora as férias e idas à praia ou outros lugares abertos, faz com que os pais se preocupem mais com o filtro solar. Mas é preciso certa medida com essa preocupação: não se esqueça, o Sol é vital para todos nós e precisamos dele para que nosso corpo produza vitamina D, essencial para a saúde. Alguns alimentos, como peixes, fornecem vitamina D através da alimentação, porém o Sol é responsável por cerca de 80 a 90% da sua presença em nosso organismo.

Por isso, quando falamos de proteção solar, não se trata de defender-se totalmente do Sol, mas escolher os melhores horários para expor-se a ele e proteger-se nos horários em que ele pode ser nocivo ao nosso corpo e especialmente ao dos pequenos, que possuem uma pele mais sensível que a de um indivíduo adulto.

Assim, o ideal, é expor-se ao Sol das 6h às 9h da manhã sem proteção. Durante esse período, a incidência de raios UVA e UVB ainda é fraca e faz bem à nossa saúde. Depois desse período, é passar filtro solar de duas em duas horas ou toda vez que você ou seu pequeno saírem da água.

Escolha um produto com, no mínimo, FPS 30. Espalhe bem com as mãos pelo corpo todo. Não se esqueça da orelhas, nuca e pés do pequeno, partes do corpo que recebem radiação e possuem uma camada mais fina de pele. Não se esqueça também dos acessórios, como chapéus e óculos escuros. Eles protegem principalmente a saúde dos olhos e face.

Além da proteção, escolha bem os horários de exposição ao Sol. Mesmo com filtro solar, ficar durante o horário do almoço na praia pode ser prejudicial à saúde do pequeno, pois o calor pode causar quadros de insolação e desidratação. Para ele curtir e brincar com mais liberdade, acorde cedo, e aproveite o melhor período do dia, em que os raios solares podem trazer saúde às crianças.

Receita de fim de ano: arroz com lentilhas para dar sorte

Lentilhas são sinônimo de sorte na ceia de ano novo, não é mesmo? Elas significam dinheiro no ano que chega e é uma superstição difundida por toda a América do Sul, trazida historicamente por imigrantes italianos. E quem não quer um ano 2018 gordo e sem preocupações financeiras? Por isso, nossa receita para final de ano é um arroz com lentilhas com cebolas que vai fazer o maior sucesso entre os pequenos e a família toda.

Ingredientes:

— 2 Colheres de sopa de azeite de oliva

— 4 Cebolas médias cortadas em rodelas

— 60 Gramas de manteiga sem sal

— 3 Xícaras de arroz agulhinha

— 4 ½ Xícaras de água fria

— 500 Gramas de lentilhas cozidas

— Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:

Primeiro, frite as cebolas. Comece aquecendo em fogo médio as 2 colheres de sopa de azeite de oliva numa frigideira grande. Adicione as cebolas em rodelas, mexa por alguns minutos e abaixe o fogo. Tampe a frigideira e deixe cozinhando por 12 minutos, mexendo de vez em quando. Depois que as cebolas ficarem bem molinhas, remova a água da frigideira e deixe a frigideira no fogo baixo por mais 15 minutos, até que as cebolas fiquem bem marrons e levemente caramelizadas. Reserve.

Utilize uma panela grande para fazer o arroz. Comece derretendo a manteiga em fogo médio e, logo em seguida, adicionando o arroz. Misture bem e adicione sal e pimenta a gosto. Coloque em fogo baixo e adicione 4 xícaras e meia de água fria. Espere ferver, com a tampa sobre a panela. Cozinhe por mais 12 minutos até que o arroz fique no ponto al dente.

Depois, misture as lentilhas com o arroz cozido em uma forma refratária grande. Coloque as cebolas fritas por cima e sirva em seguida.

Rendimento: 8 porções.